Novo projeto do Femitaxi deve deixar as passageiras ainda mais seguras

Se você tem acompanhado as notícias, deve saber que o assédio é um dos assuntos mais em alta quando a questão é a violência que as mulheres sofrem. Uma forma de combater essas situações foi criar transportes voltados apenas para elas, a exemplo do que aconteceu nos aplicativos de carros particulares, com o Femitaxi.

Lançado em 2016, o aplicativo de transporte é voltado para o público feminino, de modo que elas o usem tanto como motoristas quanto como passageiras para se sentirem mais seguras; há relatos de passageiras que se perceberam bem mais confortáveis utilizando serviços desse tipo.

1

Outros aplicativos aderiram à iniciativa e implementaram a opção da usuária solicitar uma motorista mulher, como forma de se sentir mais tranquila durante a viagem em um táxi comum. Agora, tudo indica que o Femitaxi está trabalhando com um novo projeto que deve trazer ainda mais proteção para as usuárias; de acordo com o portal Canaltech, o app pretende instalar uma câmera de segurança e um botão de pânico para emergências que possam ocorrer durante a viagem – como roubos e outros crimes.

Os recursos novos vão funcionar da seguinte forma: o aparelho é da companhia VTaxi e monitora constantemente o que está acontecendo dentro do veículo enquanto a viagem é feita. Assim, caso ocorra algum problema, a usuária pode acionar o botão do pânico, para que a corrida seja acompanhada em vídeo pela central de monitoramento da Telefônica por meio de sinal WiFi.

Atualmente, o Femitaxi está disponível nas cidades de Santos, São Paulo, Campinas, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília e Goiânia.

Fonte: Tecmundo

COMPARTILHAR