Água do açude Trussu ficará para abastecimento de Acopiara
Afirmou  ao (DN), o diretor de Operações para o Interior da Cagece, Hélder Cortez, e que já existe uma adutora que transfere o recurso hídrico do Trussu para a Estação de Tratamento de Água (ETA) da Cagece, em Acopiara. Já a nova adutora que interliga poços na bacia do Rio Jaguaribe em Iguatu até a Eta do Cocobó está em fase de conclusão. O açude Trussu  preocupa  pois acumula apenas 2,5% de sua capacidade, pois vem perdendo volume desde 2012. São oito anos seguidos sem recarga significativa.
Desbloqueio de R$ 20 bi do recurso orçamentário
O governo vai liberar na segunda quinzena deste mês R$ 20 bilhões em recursos orçamentários dos ministérios que estão contingenciados (bloqueados), informou o vice-presidente Hamilton Mourão. Ele exerce atualmente a Presidência devido à internação do presidente Jair Bolsonaro, submetido a uma cirurgia no último domingo, em São Paulo. Segundo Mourão, a informação sobre a liberação dessa verba foi dada a Bolsonaro pelo ministro Paulo Guedes, em uma conversa reservada, durante a visita que o presidente fez ao Ministério da Economia na semana passada. Do total de R$ 35 bilhões bloqueados no orçamento, R$ 15 bilhões permanecerão suspensos.

Privatização do Serpro e Dataprev
A Assembleia Legislativa, por meio da Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público (CTASP), realizará audiência pública, a partir das 15h30min desta quarta-feira, para debater a privatização do Serpro e da Dataprev e suas consequências no Ceará. A iniciativa é deputado Elmano de Freitas (PT).Em agosto último, o Governo Bolsonaro anunciou uma lista com 17 empresas públicas federais que serão privatizadas no próximo período. Entre as empresas listadas, estão o Serpro e a Dataprev.

Nomeações
Deputados cearenses pró-Bolsonaro começam a ser contemplados com cargos federais. Um indicado de Vaidon Oliveira (Pros) foi nomeado para a Superintendência Federal de Agricultura, Pecuária e Abastecimento no Estado. Outros parlamentares reclamam da demora das nomeações e negam “toma lá, dá cá”. Segundo deputados, órgãos como o Dnocs e a Companhia Docas foram mais cobiçados na bancada cearense pró-Governo na Câmara. Conforme Andreia Sadi, o Planalto troca nomes no Cade por votos a Eduardo Bolsonaro para embaixada nos EUA.

Assuntosnet quarta-feira, 11, de agosto de 2019. Acesse e opine sobre reprodução das sinopses, com notícias da imprensa e blogs, outros tópicos e comentários de responsabilidade do colunista Silvani Soares.

Fgts
 A Caixa Econômica Federal prorrogou os prazos para que correntistas do banco possam pedir a antecipação do pagamento de até 500 reais por conta do Fundo de Garantido do Tempo de Serviço (FGTS). Os saques começam nesta semana e fazem parte de plano divulgado pelo governo que flexibiliza as regras de saque do benefício para estimular o consumo e aquecer a economia. A informação é da Veja Online.

Futebol
A Seleção Brasileira perdeu o amistoso contra o Peru. Jogo realizado nesta madrugada em Los Angeles, nos Estados Unidos , Peru derrotou Brasil por 1 a zero. Começa hoje a decisão da Copa do Brasil. O Athletico-PR recebe o Internacional, a partir das 21h30, na Arena da Baixada em Curitiba. O jogo de volta será em Porto Alegre, na próxima quarta-feira (18) .E pela série A, Palmeiras derrota Fluminense por 3 a zero. 

Nova CPMF
Governo planeja cobrar alíquota de 0,4% sobre saques e depósitos em dinheiro Em sua proposta de reforma tributária, o governo federal planeja. A informação é da Folha de S.Paulo .
Cheque especial
Entre as pessoas que usam cheque especial, 40% fazem isso todos os meses, dizem SPC e CNDL. Segundo o levantamento, 1 em cada 4 pessoas dizem ter utilizado o limite do cheque especial nos últimos 12 meses. Outros 30% dizem que usam a cada 2 ou 3 meses conforme G1.

Setembro amarelo
A URCA cumpre o seu papel nas reflexões do Setembro Amarelo! Realizou nesta tarde de terça -feira,  Caminhada em defesa da Vida! Contou com a participação de  alunos, professores do Curso de Enfermagem em Iguatu  culminando com a concentração  na  praça da Caixa .

Obras paralisadas por falta de saneamento básico
O  tema é foco de discussões e debates no setor da construção civil e rede social. Um estudo diz que quase 60% das obras de infraestrutura paralisadas no país são de saneamento básico Segundo a  Confederação Nacional da Indústria (CNI);Dos 718 projetos do PAC, 429 estão parados. Principais motivos de paralisação são problemas técnicos e abandono das empresas. Há ainda problemas financeiros e orçamentários, judiciais, de desapropriação, ambientais, entre outros. O fato atinge loteamentos e surgimento de obras na construção civil impedindo o surgimentos de novas moradias  vetor de desenvolvimento  de uma cidade. Depois de todos os estudos e analises, o saneamento não pode ser  entrave o buscar alternativas para o desenvolvimento econômico, social e ambiental do município.
Trânsito
Motoristas reclamam do trecho liberado pela prefeitura na rua 15 de novembro ao lado do antigo Galpão da Estação. Usuários  sentem  dificuldade para acesso e pedem melhor sinalização para o local e ordenamento na área. Além do foco na no cruzamento com a Rua Guilherme de Oliveira, a área está  sendo  ocupada  também para estacionamento. Pedestres, ciclistas e motoqueiros vem utilizando com dificuldade o trecho.

Att,
Thiedo Henrique Repórter da Rádio Mais FM Educativa e Jornal A Praça
TIM-Whats-(88)9900.7463 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário
Por favor digite seu nome