Um homicídio foi registrado na ‘Praça da Caixa Econômica’ na Rua Floriano Peixoto, centro comercial da cidade de Iguatu. A vítima um vendedor ambulante foi morto a golpes de faca. O acusado acabou sendo preso após perseguição.

A vítima o vendedor de milho Natanael Lacerda Silva, 29, foi surpreendido enquanto trabalhava. Luciano Ferreira Alves, 44, portando um faca golpeou várias vezes.

Acusado de matar ambulante foi preso na rua depois de levar um tiro de um policial

Um policial civil presenciou a cena e efetuou disparos no intuito de evitar o crime. O suspeito mesmo ferido pelos tiros que acertaram sua perna fugiu pelas ruas do centro e terminou preso nas imediações do cruzamento com a Rua Deputado Adahil Barreto.

Equipes de resgate do Sistema de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e Corpo de Bombeiros, realizaram os primeiros socorros a Natanael Lacerda, que resistiu e morreu antes de ser levado para uma unidade de saúde.

Com escolta policial, Luciano Ferreira, deu entrada no Hospital Regional de Iguatu (HRI). A arma do crime foi apreendida.

As motivações do crime estão ligadas a um desentendimento antigo entre vítima e acusado. Um vídeo disseminado pelas redes sociais mostra Luciano afirmando que há 8 anos foi atingido com uma paulada por Natanael.

Número

Iguatu chega ao 14º crime de morte na cidade de Iguatu em 2019, com o homicídio de Natanael. O último fato da natureza ocorreu no dia 21 do mês de outubro quando Antônio Wilson Delfino De Souza foi assassinado com várias perfurações a faca e pauladas em no Bairro João Paulo II.