A nova derrota para o Caucaia por 4 a 1, diante do torcedor em pleno estádio Morenão, foi um duro golpe nas pretensões da Associação Desportiva Iguatu (ADI) em enfim chegar à final de Taça Fares Lopes. O confronto do último sábado, 27, pela segunda partida da semifinal marcou o fim da temporada para o Azulão que agora traça seu planejamento para as competições do ano que vem.

Assegurado na primeira divisão do estadual como melhor equipe do interior em 2019, a ADI já traça seu planejamento para o Campeonato Cearense que tem data prevista para janeiro. Para isso é esperada a manutenção da comissão técnica, liderada pelo técnico Roberto Carlos, que possui acordo verbal com a atual diretoria.

A ADI passará por eleições no final do ano. A atual presidente Bento de Souza termina seu mandato em dezembro. O único que já manifestou o interesse em assumir a vaga e que tem o apoio da maioria é o advogado Gabriel Uchoa, que segue alinhado no pensamento de manutenção do treinador.

O técnico Roberto Carlos cumpriu sua terceira temporada consecutiva na ADI – Foto Divulgação

“Há um acerto verbal pra isso. Mas deixamos bem à vontade quanto a qualquer tipo de decisão. O futebol é muito ligado a resultado. Vamos aguardar esse detalhe, para o que foi dado certo continuarmos e corrigir o que deu errado”, disse Roberto Carlos que há três temporadas está à frente da equipe do Centro-Sul.

Cearense 2019

A fórmula de disputa do Campeonato Cearense de 2019 foi definida na última terça-feira, 30, na reunião do Conselho Técnico da competição, composto por representantes dos 10 clubes que participarão da Série A do Estadual no próximo ano. No encontro, que foi realizado na sede da Federação Cearense de Futebol (FCF), ficou decidido que Ceará e Fortaleza só entrarão na 2ª fase do torneio.

A proposta foi formulada e articulada pelas diretorias do Ceará e do Fortaleza, como forma de amenizar o calendário apertado das duas equipes, que disputarão Copa do Nordeste e Copa do Brasil nos primeiros meses do próximo ano, além de terem compromissos nesta temporada até a virada do mês de novembro para dezembro.

Com isso, a 1ª fase do Estadual, que começa dia 6 de janeiro, contará com oito clubes: Atlético-CE, Floresta, Iguatu, Ferroviário, Horizonte, Guarani de Juazeiro, além de Barbalha e Guarany de Sobral – equipes que subiram da Série B este ano. As equipes se enfrentam apenas em jogos de ida, em total de 7 partidas cada. A tabela ainda passará por sorteio de confrontos e mandos de campo.

Ao fim desta etapa, que termina dia 30 de janeiro, os últimos dois colocados serão rebaixados para a 2ª divisão. Já os seis melhores avançam para a segunda fase, juntandoCeará e Fortaleza, jogando todos contra todos, em jogos de ida (totalizando 7 partidas cada). Se chegarem à final, Leão e Vovô realizarão um total de 11 jogos.

Os quatro times de melhor campanha na segunda fase avançam para a semifinal, que será disputada em jogos de ida e volta, assim como a decisão. A fórmula vencedora foi aprovada por 8 dos 10 clubes. Apenas Atlético-CE e Floresta foram contra.