Dois anos após a promulgação da proposta que assegurou aos empregados domésticos os mesmos direitos dos demais trabalhadores, o Senado concluiu a regulamentação desses benefícios.

Os empregadores terão de recolher 8% para o FGTS, além de uma alíquota mensal de 3,2% para antecipar possível multa nas demissões sem justa causa. Ou seja, no total, serão 11,2%. Para compensar esse encargo, a contribuição patronal para a Previdência cairá dos atuais 12% para 8%. Também foram aprovadas regras para o pagamento e compensação de horas extras dos domésticos. Se o texto for sancionado pela presidente Dilma, as novas regras entram em vigor em 120 dias.

 

Assuntosnet: Quinta-feira, 07 de maio de 2015. Acesse e opine sobre as sinopses das notícias da imprensa e blogs, com os comentários de responsabilidade do colunista Silvani Soares. Boa leitura!

 

Ajuste fiscal é aprovado na Câmara

Numa sessão tensa, com quase sete horas de discussões, o governo Dilma conseguiu aprovar ontem à noite, na Câmara, o texto-base da principal medida do ajuste fiscal, que muda regras para concessão de seguro-desemprego e abono salarial. Para garantir a vitória, o Planalto e o PMDB pressionaram e enquadraram o PT, além de ter havido negociação de cargos para aliados. O placar (252 votos a 227) foi apertado. Dos 64 deputados petistas, 55 participaram da votação e apenas um votou contra. Centrais sindicais, das galerias, jogaram notas falsas de dólar com os rostos de Dilma, do ex-presidente Lula e do ex-tesoureiro Vaccari, preso na Lava-Jato. A proposta será votada no Senado.

 

Lucro de bancos sobe 25% com alta de juros e câmbio

Imunes à desaceleração da economia, as instituições correram para linhas de crédito de menor risco, como o consignado, venda de serviços e títulos públicos. No primeiro trimestre deste ano, o lucro líquido dos três maiores bancos privados – Itaú, Bradesco e Santander – somou R$ 11,6 bilhões. O montante é 24,9% maior do que o obtido em igual período de 2014.

 

Promoções da PM

A Assembleia Legislativa deve bater hoje o martelo sobre uma questão capital para a gestão do governador Camilo Santana (PT). É o novo sistema de promoções da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros. O modelo vigente é resquício da gestão de Lúcio Alcântara e impõe uma série de dificuldades para os profissionais.

 

Poucas chuvas em maio

Continua a chover pouco no mês de maio, o último da chamada quadra chuvosa. Conforme a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), choveu em apenas 17 municípios entre as 7 horas desta terça-feira e as 7 horas de ontem, de acordo com atualização às 13h. A maior precipitação aconteceu em Viçosa do Ceará, com 21,2 mm. A previsão para hoje é de que “áreas de instabilidade atmosférica devem permanecer atuando no setor norte do Nordeste. Entre a madrugada e manhã, o Ceará deverá ficar com nebulosidade variável e chuvas isoladas na faixa litorânea. Ao longo do dia, céu entre parcialmente nublado e claro em todas as regiões”.

 

Saúde!

Equipe, pessoas capacitadas, vocacionadas, mas… administrar o público ou o privado no setor de saúde não é fácil. O que atrapalha é a política. Como disse um analista: o Brasil seria melhor sem os maus políticos e a má política.

 

Dengue

No país, uma em cada quatro cidades no Brasil tem epidemia de dengue.Em nossa região, no   distrito de Alencar, o fato preocupa moradores que cobram das autoridades providências. Autoridades  reconhecem que o momento é difícil e exige o esforço de todos colocando em prática as medidas de combate para evitar complicações.

 

Cargos comissionados

Vereadores medindo forças nos debates da câmara. Para o vereador Romulo (PT), a criação de novos  cargos comissionado não justifica, pois existem 810 atualmente. O vereador João Lázaro saiu em defesa ao afirmar que o projeto visa atender a famílias mais pobres. Já um cidadão comenta: Se o prefeito reclama a falta de recursos, como explicar a criação dos mesmos?

 

Agora é oficial

Anunciado o nome do novo bispo da diocese, o carioca Dom Edson Castro Homem, antes da posse em julho, virá a Iguatu para conhecer os novos desafios que terá pela frente. Boas vindas e excelente trabalho.

 

Futebol

Os cinco brasileiros que começaram a Libertadores atuaram ontem pelas oitavas de final, e no  confronto de brasileiros, o São Paulo derrotou o Cruzeiro no Morumbi por 1 a zero. No Mineirão, Atlético e Inter empataram. O Corinthians se complicou no Paraguai ao perder para o Guarani por 2 a zero. Em jogo válido pela Copa do Brasil, o Fortaleza derrotou o Curitiba por 2 a 1 no castelão.

 

*Silvani é bancário e radialista