A Polícia Militar prendeu, na noite desta terça-feira (3), Daniel Lenyk Cavalcante Martins, de 21 anos, suspeito de falsificar documentos. O criminoso foi localizado em uma residência no Bairro Jereissati, em Pacatuba, Grande Fortaleza, após denúncias anônimas. Segundo a polícia, ele cobrava até R$ 500 para confeccionar um RG.

De acordo com o delegado Wagner Jorge, da Delegacia Metropolitana de Maracanaú, responsável pelo caso, na casa do suspeito foram apreendidos documentos falsos, papéis do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) e um notebook, onde o homem fazia a contabilidade do serviço ilícito.

Conforme o delegado, Daniel confessou o crime. O suspeito já possuía antecedentes criminais por estelionato, corrupção ativa e falsificação de documentos. Ele foi autuado novamente por estelionato.

Durante a ocorrência, o irmão do criminoso, que não teve o nome revelado, desacatou os policiais e também foi levado para a delegacia. Os agentes registraram um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) contra o familiar do suspeito, que irá responder em liberdade.

Fonte: G1 CE

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário
Por favor digite seu nome