O prefeito de Várzea Alegre, Zé Helder, reuniu-se em Fortaleza com Eduardo Neves, presidente da Agência de Desenvolvimento do Estado do Ceará (Adece) e com o empresário varzealegrense, Raimundo Fernandes, que tem empresas em São Paulo e demonstrou interesse em investir na sua terra natal.

Em São Paulo suas empresas atuam em ramos como promoção de eventos, materiais recicláveis, distribuidora e fabricação de itens como papel-toalha e outros.

Para Várzea Alegre, Raimundo Fernandes pretende implantar uma empresa no ramo de produção de embalagens de saco de lixo e papel.

O interesse do prefeito é que uma nova empresa se instale no município para ampliar as vagas de empregos e melhorar a economia. Na reunião na Adece, a campanha é para conseguir isenção fiscal do governo do Ceará, em relação ao Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços – ICMS. O pleito é que a empresa se instalando receba isenção 10 anos, pagando 25% do imposto.

Zé Helder disse que tanto o governo do Estado quanto o Município têm leis que colaboram com a isenção de alguns tributos às empresas que se interessem em se instalar na cidade. Para Zé Helder, essas leis estaduais e municipais são inclusive melhores do que a legislação de estados como São Paulo.

Raimundo Fernandes também tem a proposta de assumir a empresa Confplast, fundada em Várzea Alegre por iniciativa do empresário Carlos Kleber. A empresa é fabricante de móveis (cadeiras e mesas) e produtos de plásticos, instalado no município em 2008 como Resol do Brasil. Em 2011 passou a ter o nome Confplast.

O prefeito deseja tornar esse projeto de uma nova empresa para Várzea Alegre até o final deste ano ou início do ano que vem, que poderá gerar cerca de 40 empregos diretos.

Fonte: Diário Centro Sul

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário
Por favor digite seu nome